Header Ads

NTAgora

Compartilhe:

POLICIAL CIVIL MATOU SARGENTO DA PM COM TIRO PELAS COSTAS


Um vídeo gravado por uma câmera de segurança, divulgado nesta quinta-feira (25), mostra o exato momento em que o sargento da PM Gustavo Teles, de 35 anos, leva um tiro pelas costas e morre durante uma abordagem da Polícia Civil.



O fato ocorreu na madrugada da última terça-feira (23), por volta das 00h55, no centro de Gurupi, região sul do Estado.

Nas imagens, dois sargentos da PM estão numa motocicleta e aparecem sendo perseguidos pela viatura. Em determinado momento, o sargento Edson Vieira Fernandes, que conduz a moto, perde o controle ao passar sobre um monte de barro e os dois ocupantes caem no chão.



Após a queda, o sargento Gustavo Teles tenta correr e leva a mão a cintura, momento em que um tiro é disparado de dentro da viatura da Policia Civil ainda em movimento. O sargento estava de costas quando foi atingido e morreu no local.

Simultaneamente, o outro militar parece se identificar como policial, põe um objeto no chão e levanta as mãos para o alto. As imagens confirmam, em partes, a versão do sargento Vieira em seu depoimento. Ele disse que estava pilotando a motocicleta e não reagiu à abordagem dos policiais civis.

O militar teve a prisão preventiva decretada pela Justiça, a pedido do Ministério Público Estadual, por suspeita de participação em homicídios.

Por outro lado, a versão da Polícia Civil é contrariada, em partes. Inicialmente, o delegado disse que o giroflex da viatura estava ligado, o que é desmentido pelas imagens.

O delegado Hélio Gomes disse à imprensa no dia da ocorrência que "o condutor da motocicleta perdeu o controle, ambos caíram e já levantaram com armas em punho. Nesse momento houve reação da equipe de policiais civis, foi efetuado um disparo e um dos ocupantes da motocicleta foi atingido. Quando esse primeiro ocupante foi atingido, o segundo se entregou e colocou a arma no chão", relatou.

Por G1