Header Ads

NTAgora

Compartilhe:

TRIBUNAL DE CONTAS APRESENTA RELATÓRIO DE OBRAS PARALISADAS EM TODO O ESTADO


Um relatório apresentado nesta terça-feira (30) pelo Tribunal de Contas do Estado revelou que o Tocantins tem atualmente 506 obras paralisadas. 

O levantamento leva em consideração projetos do governo estadual, dos municípios e dos poderes legislativo e judiciário. O valor total dos contratos paralisados no estado chega a quase R$ 3,6 bilhões.

O governo estadual teve 168 obras citadas pelo TCE no relatório. Na capital, as várias pastas da prefeitura possuem juntas 92 projetos na lista. Veja aqui o relatório.

São obras de pavimentação, conjuntos habitacionais, escolas, hospitais, saneamento e várias outras. Uma das maiores é o Hospital Geral de Araguaína, no norte do estado, que sozinho custaria mais de R$ 167 milhões.

Em alguns casos os trabalhos foram interrompidos em datas recentes. Em outros, o problema já dura alguns anos. Na lista, a paralisação mais antiga é de uma unidade escolar em Formoso do Araguaia, cuja construção foi interrompida há mais de 10 anos.

O Governo do Tocantins disse que todos os projetos do governo estão passando por avaliação e revisão de contratos desde que Mauro Carlesse (PHS) assumiu a gestão. O compromisso, segundo a nota, é retomar o andamento daquelas em que não forem identificados nenhum tipo de vício ou irregularidade.

Já a prefeitura de Palmas disse que vai avaliar as obras citadas no relatório do TCE antes de emitir qualquer pronunciamento à respeito.

Por G1