Header Ads

NTAgora

Compartilhe:

ASSALTANTES MORTOS SÃO IDENTIFICADOS


Jovens mortos durante abordagem da Polícia Militar na TO-010, nesta quarta-feira, 11, foram identificados por familiares. Wester Cardoso de Sousa, Venê Barros de Sousa, Igo Marques da Silva morreram baleados pelo polícia, um quarto homem ainda não foi identificado.

Segundo a PM, o grupo estava em um carro roubado e foram mortos durante uma perseguição. Igo Marques e Wester Cardoso tinham passagens pela polícia, os dois por crime de tráfico de drogas e Venê Barros não tinha nenhum registro de ficha criminal.

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública (SSP), a Polícia Civil tomou conhecimento sobre o caso por meio de parentes, disse ainda que a PM não registrou nada na delegacia até o momento. A Polícia Militar ainda não se manifestou sobre a demora no registro.

O caso

Segundo afirmações da Polícia Militar, uma equipe da Rotam recebeu denúncia sobre roubo de veículo e realizou vários bloqueios, um deles na TO-10, onde os supostos assaltantes passaram em alta velocidade e, segundo a PM, não obedeceram ordem de parada. Os homens estavam em dois veículos.

Durante a ação, o motorista do veículo que teria sido roubado perdeu o controle e saiu da pista. A PM afirmou que neste momento os dois homens desceram do carro e atiraram contra a equipe, que revidou atingindo a dupla.

Ainda de acordo com a PM, os dois suspeitos do outro veículo continuaram a fuga e também atiraram conta os militares e foram atingidos pelos mesmos. A PM afirmou que com eles foram apreendidas quatro armas, sendo um revólver calibre 32, um revólver calibre 38, uma pistola 9mm e uma pistiola calibre 40 com brasão da Polícia Civil.

O caso foi registrado na TO-010, sentido Miracema do Tocantins e o veículo pertence a um motorista de aplicativo de transporte.

Por G1